31.03.09

Desta vez vez não tenho nada a dizer, ELE DIZ POR MIM!

 

http://mobilizacaoeunidadedosprofessores.blogspot.com/2009/03/os-estagios-de-socrates.html

 

POR FAVOR VEJAM ATÉ AO FIM!!!!!!!!

tags:
publicado por morgadexsedlex às 00:56

29.03.09

hoje num órgão de comunicação social li uma noticia em que um militante da JS, queixou-se que em tempo de eleições a TVI está a denegrir a imagem do (DES) Governo e dos seus dirigentes... O rapaz só deve estar a brincar, e com brincadeira de mau gosto...

 

Que dizer desta queixa... Será que está à procura de JOB? Será que é um novo BOY? Ou será que é da idade? (PODE SER QUE LHE PASSE...)

 

Então e Portugal onde se pode queixar, será que existe na loja do cidadão um "guichet" minimo que seja para Portugal apresentar uma queixa da forma como tem sido tratado por sucessivos governos PS? (EM 13 ANOS, 10 SÃO DO PS).

 

Já agora onde se queixa o cidadão normal de ter que ler os órgãos de informação do governo (ou seja 90% dos jornais) ou de ver noticias manipuladas em todas as TVs, ou de até ninguém da comunicação social se ter insurgido contra a Lei que o PS quis aprovar e um tal de PRESIDENTE da REPUBLICA vetou por achar que era mau para a liberdade de imprensa... Vem agora um militante da JS queixar-se porque a MMG no Jornal Nacional diz aquilo que todos os portugueses dizem nos cafés?

Vá mas é acabar o curso (veja lá não receba o diploma sem conferir a data, pode ser um Domingo), ingresse no mercado de trabalho (se ainda houver trabalho) e depois fale de coisas sérias, e deixe lá de fazer queixinhas ao papá para ver se tem os tais 15 minutos de fama...

 

A única frase que está correcta na noticia é: É com grande escândalo e revolta....

E é mesmo com grande escândalo e revolta que se assiste ao que se passa neste país...

Saúde - Já não há!

Justiça - Só para alguns!

Finanças - Zero à Esquerda!

Segurança -

publicado por morgadexsedlex às 02:09

18.03.09

Passa por nós um vendaval furioso. Se vem integrado nos "apregoados ventos da história" ou é uma tempestade para fustigar esta velha nação já cansada de enfrentar vagas? Não se sabe.

Não vale a pena agora averiguar o que aconteceu. Aconteceu e na furia do vento canalizado pela ingenuidade de alguns opinion-makers, mas soprado pelos piores inimigos de Portugal e ao mesmo tempo de todos nós, e mais uma vez se foram mais uns trastes velhos do antigo solar e herança de muitas gerações.

A realidade acertou-nos como um soco no estômago, deixou-nos completamente arruinados, entre destroços do imobiliario e os cacos de uma sociedade egoista, numa casa sem portas nem janelas, à mercê de outros ventos, casamentos, chuvas e trovões.

Mas alguns de nós não se resignam, nem se deixam abater com obstáculos, por enormes que sejam as tormentas, alguns de nós teimam em transformá-las em "Boas Esperanças". Para isso temos que apurar o nosso instinto de sobrevivência, e para isso todos nós sabemos que a primeira coisa a fazer é, arrumar a casa...

Como se arruma a casa? No tempo da minha avó, era à paulada, uns bons tabefes chegavam para pôr a casa na ordem, hoje em dia é mais dificil, há uma serie de leis que protegem quem desarruma a casa a nossa e a deles...Usando a força e a frugilidade dos náufragos que têm que lutar constantemente contra as vagas e não sabem quantos dias terão de chegar as suas escassas provisões, temos que desde já olhar em frente e lutar como um só... um povo que sempre enfrentou e enfrenta as vagas de frente, que não teme nada nem niguem... E lembrarmo-nos de Alvares Pereira, Martin Moniz, Afonso Henriques, Marquês de Pombal, e de todos os outros que acharem que merecem ser lembrados, pois só grandes portugueses é que fazem outros grandes portugueses...

Temos que ter em Portugal um HOMEM honesto, corajoso, inteligente e de bom senso que aceite o pesado encargo de encaminhar esta que foi a mais bela das caravelas e está agora transformada numa jangada de náufragos, num caminho variável, ou seja para o trabalho na ordem e para a liberdade em segurança.

Sim porque Portugal é uma jangada frágil, desunida, quase desmantelada, e é necessário aguentar com todas as forças para não naufragar, quando todos já percebemos que o "Comandante" eleito não é capaz de o fazer. Só resta aos tripulantes o motim nas proximas eleições.

Europeias, Legislativas, Autarquicas, vejam nos gráficos da história quando é que o país avançou, quem estava ao seu leme... e pensem... pensem para que lado devemos virar para não naufragarmos.

 

música: Paz, Pão, Povo e Liberdade
publicado por morgadexsedlex às 22:33

06.03.09

 

 

 

Numa situação em que Lisboa precisa de todas as suas energias, para sobreviver como Capital... Vagueia por aí, quase sempre mantida na inactividade da hospedagem gratuita e da subsidio dependência sem perspectivas de futuro, um executivo camarário que vive de parangonas de jornais e publicidade enganosa (COMO JÁ DISSE NUM POST ANTERIOR)

 
Mas felizmente há também uma versátil força de trabalho pronta a trabalhar, gente que em apenas dois anos de trabalho, deixou outros tantos ou mais de obra, para outros fazerem o brilharete de cortar a fita... Realizaram-se obras nacionalmente reconhecidas: Jardins em vez de terminais de autocarros, Piscinas, Monsanto de novo para as pessoas e um túnel que alguns teimam em não deixar ver a luz no seu fundo (E Que todos já vimos que afinal o homem tinha razão! O túnel é mesmo uma mais valia) E não se fez obra de relevo internacional porque mais uma vez os interesses instalados vetaram uma obra que seria integralmente paga por privados e só Lisboa (executivo CML PPD/PSD), seria contemplada, Loures (PS) e Odivelas (CDU) ficavam de fora (FALO DO PARQUE MAYER E DO CASINO)
 
Constitui-se agora uma força de trabalho que está de volta, desta vez completa e auto-suficiente, a todos os escalões e sectores, desde a base até ao vértice.
Alguém duvida da capacidade e engenho de uma máquina assim? Alguém duvida que chegou a hora da mudança e deixar a subserviência ao poder central para outros? Criar uma força para resolver os problemas nunca é fácil... Tem que ser gente de alma engrandecida, com experiência feita nos difíceis condicionalismos e de iniciativa elevada. Deixando de fora, todos aqueles que não vieram para servir mas sim para se servirem...
 
Por isso e sem sombra de duvida a candidatura a Lisboa de Pedro Santana Lopes tem o meu apoio.
 
Quero Obra na "minha" cidade, quero mais gente na "minha" cidade, quero mais segurança na "minha" cidade,  quero a "minha" cidade de volta, quero uma cidade para os meus filhos!
 
 
 
 
publicado por morgadexsedlex às 17:50

05.03.09

Todos os dias no metro lá estás tu... à mesma hora e no mesmo lugar, vejo-te e imagino o que fazes? o que tens? para onde vais? Juntamente com milhares de outros desconhecidos de caras baixas eu imagino profissões, romances, vidas... Vidas de outros que ninguém ali sabe ou quer saber... Todos demasiado importados consigo mesmo e sem verem o que os rodeia.

Eu lá me entretenho a dar profissões... Já foste enfermeira a uma segunda-feira sabias? E ao teu lado sentou-se um decorador de interiores que na semana passada tinha sido Dr. Juiz. E nos casais? foste casada e divorciada logo a seguir... Viajamos ao lado de desconhecidos porque queremos, já tiveste nome e logo a seguir sais na paragem para onde??? Casa? Trabalho? Encontro com o amante? Tudo isto e mais, com todos aqueles que viajam ao lado de outros sem se importarem, sem levantarem a cara dos seus abrigos profundos em que entram por desconfiarem de tudo e todos, sem darem hipótese a ninguém, nem a eles próprios... Como já disse dou nomes, profissões, aventuras, faço casamentos e divórcios com a mesma velocidade com que arranjo um emprego a alguém que me parece infeliz a fazer o que realmente faz... Louco? Talvez! Bêbado? Só se for de me divertir com o que me mantém lúcido neste mundo... A minha imaginação...

 

Escrevi este post, depois de ter sido abordado no metro por uma senhora, que muito indignada me chamou a atenção por eu estar com um ar feliz e contente na estação a olhar para outras pessoas... Disse-me se estava a gozar com o povo e que parecia mal, perguntou-me se eu via mais alguém assim na estação e que eu devia ser internado.

ISTO APARECEU DO NADA, ATÉ ME ASSUSTEI....

Bem haja esta gente que nos chama a atenção e nos obriga a viver o mundo em que eles há muito entraram e teimam em não sair... Morrendo aos poucos e vagueando tipo zombies no mundo dos supostos loucos.

 

IMAGINAÇÃO DÁ LIBERDADE, SEJAM LIVRES, IMAGINEM.....

música: Just an Ilusion
publicado por morgadexsedlex às 23:04

04.03.09

Pois é meus amigos, lá está mais um braço de ferro entre o sr. Presidente da Republica e o Governo mais totalitarista e autoritário dos ultimos 34 anos...

 

Desta vez o Lápis deixa de ser AZUL e passa a ser ROSA num tipo de sequela (EM MAU) de uma coisa que havia antes da queda do Estado Novo e estou a falar da CENSURA...

 

Se calhar como sequela que é, o titulo deste post devia ser "CENSURA - THE AWAKENING", ou " EU SEI O QUE FIZESTE COM O LÀPIS PASSADO" ou ainda " SOCRATES E O LÀPIS DO HOMEM MORTO" ...

 

Mas voltando ao post, o PR decidiu e bem VETAR a lei, mas como todos já sabemos de pouco ou nada vale se este (DES)governo voltar em insistir em vota-la outra vez ... O que dá ter uma constituição feita num periodo revolucionário e acompanhada a whisky é nisto; se o PR vetar a lei e o governo insistir em levar novamente ao parlamento e essa mesma lei passar somos todos obrigados a levar com ela, e nem o PR nos salva. Porque nem no tempo do CAVACO houve censura.

 

Se a censura nos tempos idos do Estado Novo, servia apenas para aguçar o engenho da escrita, com o fim de passarem os textos pelo dito LÁPIS AZUL (e eu tenho vários exemplares de textos escritos censurados, riscados pelo temivel LÁPIS AZUL), agora depois de 34 anos de liberdade de imprensa, em que seria suposto a comunicação social escrever em liberdade,

eis que surge no horizonte algo que os amordaça. Pensei, mas pelos vistos estava errado, que no dia seguinte toda a comunicação social, iria em peso pedir a demissão do (DES)governo. Mas nada mais falso, poucas linhas e quase nenhum burburinho televisivo.

Deixou-me a pensar... É! Uma vez por outra penso!... E neste pensar, só me veio à cabeça todos os titulos e aberturas de telejornais quando um outro governo (AQUELE QUE QUIS AUMENTAR A TAXA AOS BANCOS, E MILAGROSAMENTE FOI DEMITIDO) decidiu então criar um gabinete de comunicação social do governo. Pura e simplesmente foram trucidados, linchados e crucificados em praça publica, desde o jornal de escola aos opinion-makers deste país, e friso NÃO SE TRATAVA DE CENSURAR NADA, só dar as noticias sem serem adulteradas... Coisa que o PPD/PSD não consegue há muito, por culpa própria deixem-me dizê-lo.

 

Ora agora o PS no seu melhor ar (como sempre o showbizz), vem agora mexer no que ainda lhe podia fazer algum desconforto, a comunicação social. E eles não dizem nada, não escrevem titulos mauzinhos, nem sequer se manifestam (Não sou de esquerda, nem pouco mais ou menos) mas isto é demais... os senhores da comunicação social ou estão adormecidos em Valium 10 (e eu já dormi quase 48h por causa destes comprimidos) ou são militantes do PS à força toda, quase todos os jornais parecem o PRAVDA se não sabem o que é, implementem-se, quem não se implementa não se complementa. os telejornais parecem novelas, espremem a noticia e não sai nada (ou porque não sabem? ou porque não querem?), ficamos sempre à espera do próximo capitulo...

 

Portanto aqui fica o primeiro texto a passar pelo LÁPIS ROSA:

 

Num oculista, um senhor que precisa mudar de lentes senta-se na cadeira para fazer o teste de visão. ao fundo um daqueles cartazes com muitas letras pretas tipo

LI - BE - RD - ADE.

O técnico começa por pôr umas lentes 0,5 e pede ao homem para lêr o texto:

Técnico

Ora então vamos la lêr ali o cartaz SFF.

Homem

Hummm... Desculpe mas não consigo ainda vejo tudo muito desfocado

Técnico

Bem vamos então vêr se com estas lentes de 1,0 já dá qualquer coisa, vamos lá então...

Homem

Hummmm... LIIIII, LIIII, LI...

Técnico

Vá lá homem está quase...

Homem

LI, LIIII; LIIIIIIII

Técnico

Ai, então sabe lêr ou não???

Homem

LI; LIIIIIII; LIIIIIIII

Técnico

Óh homem, porque raio é que você não lê a BERDADE?

 

ACHO QUE É MELHOR IRMOS TODOS AO OCULISTA ANTES DAS ELEIÇÕES, PARA VERMOS BEM EM QUEM VOTAMOS!

 

publicado por morgadexsedlex às 21:46

03.03.09

De qualquer das formas, todos os regimes políticos na sociedade dita civilizada, conduzem a uma única realidade comum, há quem mande (Governantes) e quem obedeca (governados). A diferença está nos governantes que se imponham pela força, o pelos governantes que são designados pelos eleitores. É nisto que que se destingue um governo democrático de um totalitário, mas é apenas uma linha de separação, uma linha muito fina.

Em todos os governos tem que existir uma lei, e quem a promulgue, e quem a faça cumprir.

O governo ou se apoia na força despótica ou na vontade popular (em que pé anda este governo?) Em qualquer das alternativas, entram diferentes conceitos da nossa sociedade e mais que um regime politico, o poder imposto pela força é antipático e ninguem assume a sua responsabilidade (HOJE EM DIA), e é hoje em dia que existe o maior cinismo, o cinismo de afirmar que governam em nosso nome (em meu não que eu não os queria lá) e ficamos assim perante um dos mais ferozes ataques de totalitarismo (pós-qualquer coisa que aconteceu há muitos anos atrás), mascarado de republica democratica como se trata-se de um qualquer país acabado de formar fronteiras...

Alguem tem que alertar contra estas astúcias governamentais mostradas sempre em grandes ambientes festivos com bandeirinhas, figurantes e muitos efeitos especiais... A fazer lembrar uns comicios que aconteceram algures nesta Europa antes dos aliados nos terem salvo... Temos que lembrar quem governa, que veio directo da multidão e que nesta época quem chega por esses modos ao poder, não se deve esquecer  que é sempre ilusório e temporario...

Verifica-se episodicamente grandes tumultos, quando se vem para a rua exigir um determinado tipo de governação, não nos podemos esquecer que é apenas a multidão a exercer directamente a sua soberania.

Mas sem nunca esquecer que é sempre preciso escolher os mandatários certos ( e estes já provaram que não o são) pois é materialmente impossivel o governo directo pelas grandes massas.

 

No presente chegámos a uma situação de crise tão aguda como a de o principio do Séc. XX, e o que mais importa é salvar este país, mas só todos juntos o vamos conseguir, e lembrem-se que da historia não reza os fracos, temos tempo para discutir a opção politica a tomar, e essa opção tem que ser tomada com absoluta imparcialidade, sem credos, mitos ou religiões. Credos, porque como a canção nacional se chama FADO e o fado é depressivo (COM TODO O RESPEITO QUE TENHO PELO FADO, E QUE È MUITO ACREDITEM), para depressão já basta. Mitos, porque quem diz sempre o que queremos ouvir nem sempre é nosso amigo, o Bloco de Esquerda é um mito. Religião porque nós temos que acreditar em algo e eu acho que já não acreditamos em nada.

Por isto tudo eu acho que Portugal ainda está acima dos partidos...

 

publicado por morgadexsedlex às 00:21

mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

30


arquivos
2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO